terça-feira, 10 de julho de 2012

FRONT DE GOIÂNIA - Sentimento de Granadeiro ganadeiro Borges 5.* Cia 1993


Em 1992 tomaram uma decisão por mim que mudaria minha vida pra sempre, Vou contar o porque.
Bom! Em abril de 1992 me alistei no exercito brasileiro como qualquer jovem que completa 18 anos. Torci para que fosse dispensado como todo jovem naquela época queria, Mas ai veio a noticia em outubro daquele mesmo ano, eu iria servi o exercito brasileiro sim!
Quando descobri o quartel pra mim seria normal, mais não foi assim. Eu iria servir no Batalhão da Guarda Presidencial. Foi ai que minha vida começou a mudar.
Exatamente no dia primeiro de março de 1993 aconteceu o primeiro passo para esta mudança, eu entrava no pátio dos granadeiros para ingressar nas fileiras do exercito.
Naquele mesmo ano tive a honra de presenciar por ocasião do aniversário do batalhão uma turma de jovens  senhores que tinham passado pelo seu tempo de serviço militar por aquela unidade, fiquei sem entender muito, porque se naquele ano já era difícil a vida de um soldado imaginem na época de ditadura, pois a grande maioria daqueles jovens senhores vinham desta época.
Me peguei a imaginar olhando para o rosto de alguns deles, com uma expressão já cansada por ocasião dos tropeços e lições  da vida que existia alegria naqueles homens em voltar naquela unidade, víamos sorrisos  sinceros naqueles senhores.
Mais alguma coisa dentro de mim me pedia que tivesse respeito por eles, mesmo sem saber o porque. Talvez por saber que eles tinham de uma certa forma escrito a historia daquele batalhão junto com tantos outros que já tinham passado por ali e outros que ainda estavam por vir.
Naquele ano minha vida já tinha começado a mudar é eu nem tinha noção disto, Hoje 19 anos depois que passei pela aquela unidade eu retornei e, você se lembra daqueles jovens senhores que eu tinha falado no começo? Pois é meu amigo hoje sou um deles também.
Agora consigo entender com muita clareza o significado da frase “Uma vez granadeiro sempre granadeiro” pois, para mim só deixei de usar a farda mais continuo sendo um soldado do BGP.
Hoje consigo entender o sorriso no rosto daqueles senhores no ano de 1993, retornar a aquela unidade depois de 19 anos me trouxe muitas recordações maravilhosas.
Recordações esta que por mais que eu queira que alguém entenda vai ser impossível, amigos que jamais vou retornar a ver na minha vida pois naquele ano o batalhão ainda era formado quase 100% de laranjeiras, que se formavam por 3 estados (São Paulo, Paraná e Santa Catarina).
Andar pelas Companhias, escutar o alvorada no toque de corneta, ver os lugares daquele batalhão que eu chorei de saudade de alguém ou até mesmo da família, as noites de sonos que perdi para me enriquecer como homem é o mais importante de tudo saber que foi ali que adquiri minhas responsabilidades que tenho hoje seja como profissional, pai de família, amigo ou filho.
Desfilar com aqueles senhores do batalhão da saudade que no meu ano não entendia muito bem o que eles faziam ali. Para mim foi e sempre será uma honra é hoje sei direitinho o significado daqueles 10 segundos de desfiles ou das viagens que todos fazem saindo dos seus estados de origem só por causa destes 10 segundos de desfiles é um final de semana no quartel.
Foi neste aniversário do BGP (189º). Que me dei conta que minha vida tinha começado a mudar em 1993, 19 anos atrás.
Quero agradecer a todos do Batalhão da Saudade por me darem a oportunidade de ver estas mudanças e dizer que é um prazer muito grande estar ao lado de senhores tão gloriosos que nem todas as pessoas conseguem enxergar isto. No fundo sabemos que, não fomos à guerra, porém somos heróis por ostentar uma farda que vai além da historia. Defendemos este país por pelo menos um ano de nossas vidas. E de ter passado por tudo isto em uma Unidade histórica é única do Exército Brasileiro.

“Uma vez granadeiro sempre granadeiro”
“A Guarda morre mais não se rende”

Sd Borges  2654
5ª Cia de infantaria de guarda 1993
Hoje e sempre com muito orgulho  Batalhão da saudade.



>

10 comentários:

Anônimo disse...

SENTIDO!!!
...
Ordens dispostas
Mochila nas costas
Fuzil cruzado
Lá vai o soldado

No aniversário
O passo ordinário
A ordem unida e...
A saudade sentida...

pk

Anônimo disse...

Borges
Nunca tive oportunidade de comparecer aos eventos do Batalhão da Saudade. Mas se tivesse participado de algum, certamente sentiria a mesma emoção que você sentiu. Ainda é muito forte a boa lembrança que guardo do BGP apesar de já ter passado 49 anos.As belas lembranças nos projetam para o futuro. Quem sabe nos encontremos no 190º...
Cunha

Anônimo disse...

NOVA CCS/BS-XEREM - Pois é , Pekowal (PK), olha aí na matéria , um contaminado com o virus do BS , o BORGES e outro querendo entrar na dança, o CUNHA. Bem vindo ao recem chegado HUDSON BORGES . E que seja assim também o CUNHA. Estamos necessitando urgentemente oxigenar o contingente, com ares e sangue novo. Nós , os dinossauros estamos precisando passar nosso bastão antes que sejamos forçados a parar no meio da jornada.Então, agora é o momento. Alô BORGES, crie algo ai na sua CALDAS NOVAS. Algo assim como um almoço e um tour pela bela cidade. E nos avise , com antecedência de uns 20 dias a um mês.Eu e minha querida esposa queremos estar presentes. E vou ver se consigo levar mais alguém comigo. E que seja este o marco inicial do BS de Caldas Novas (BS Goianos) , junto com o Nivaldo Licio, o Jorge e mais outros " doidos por verde Oliva ".Estamos aguardando isto tudo por aqui. E vá criando textos para nosso blog, novidades para lançar no encontro de Sertãozinho.
Porque aquelas braçadeiras, meu amigo, foram tão importantes quando o Coquetel/jantar lá no rancho, o desfile no páteo e o baile da Saudade, no sabado.Agregaram tremendo valor à nossa festa. Um abraço. Xerem

Anônimo disse...

Meu amigo Cunha seja bem vindo as fileiras do Batalhão da Saudade e um prazer ter vc aqui e o ano que vem espero te encontrar no aniversário do BGP,Meu amigo Xerem obrigado pelas palavras é quanto ao presente foi só uma lembrança a todos mais já estou pensando em um novo presente,O mosquitinho do BS já me picou sim estou totalmente engajado no BS e estamos programando um evento em Caldas sim em brave dou noticias.Abraços begepeanos a todos.

Borges 2654 5ª cia BS.

Anônimo disse...

NOVA CCS/BS-XEREM - Òia Borges, cuiddo, porque prometer algumna coisa pra véio e pra criança, é arrumar pra própria cabeça. Armando qq coisa aí que junte mais que 3 ex-granadeiros, me avise. Pelo menos eu, estarei presente. Mande para mim, por favor, algumas coisas de Caldas Novas/GO. Para divulgar por aqui. Um abraço do Praça Velho Xerem.

Anônimo disse...

meu mais novo nobre amigo/irmão de farda Borges. vamos nos organizar para um evento em Caldas, em 2010 lancei a ideia com o Xerem, o Cadú e o Castilho(se lembram disto?) mas não dei proseguimento. você que conhece bem os melhores locais pode indicar lugares bons. e que tal Lagoa Quente e Náutico ? são bons lugares, onde tem mais natureza. estou pronto para começarmos o planejamento.um grande abraço. GUARDA!!! NIVALDO LICIO-BS GOIANIA (ou goianos )

Anônimo disse...

ah! e sería engraçado ver o Xerem descer no tobogâ. rsrsrss
NIVALDO LICIO

Anônimo disse...

Meu amigo Nivaldo,quando quiser vir aqui pra gente dar uma olhada nos lugares e discutirmos a ideia fique a vontade minha casa e sua casa.Velho amigo Xerem só prometo quando tenho certeza que vou cumprir,pode deixar que vamos fazer muitas coisas pelo front goiás eu e o Nivaldo e todos os granadeiros daqui.um forte abraço a todos,vou fazer uma materia depois e te mando pra colocar no blog.abraços Guarda!

Sd 2654 Borges.

Anônimo disse...

Nivaldo pode deixar que vamos ver o nosso amigo Xerem no toboagua sim,ele e todos os outros.kkkkkkkk.


abraços.

Sd 2654 borges 5ª cia BS.

Jean ramos disse...

sd.souza santos 2681 5 cia 4 pelotao tenho saudades